Cozinhando o jantar (II): Porchetta Romana

Este é o segundo post da série “Cozinhando o jantar” e já temos um especial: Jantar de Natal. O prato do dia é Porchetta Romana, bem leve, saudável e com pouca gordura. A primeira vez que ouvimos falar sobre esta receita foi em um programa de culinária (certo, eu admito, foi na Ana Maria Braga). Desde então, tornou-se uma idéia fixa reproduzi-lo por nossas próprias mãos. Mas não é um prato para ser comido por apenas duas pessoas, é preciso um batalhão. Por isso foi a nossa escolha para o jantar em família.

Originalmente se utiliza a lateral de um leitão, sem a paleta e sem o pernil, algo em torno de 12 kg (veja a receita original aqui). O problema é que para assar um bicho desses é necessário um forno grande. Como não possuímos tal equipamento, adaptamos a receita para utilizar um pernil desossado, aberto como uma manta. Passemos aos ingredientes:

– sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
– 1 pernil de porco (com +/- 3 kg desossado)
– 1 colher (sopa) de semente de erva doce
– 2 ramos de alecrim
– 1/3 xícara (chá) de folhas de manjericão
– 1/3 xícara (chá) de folhas de sálvia
– 1/2 colher (chá) de pimenta malagueta
– 8 dentes de alho picados
– suco de 1 limão
– suco de 2 laranja
– 1/3 xícara (chá) de aceto balsâmico (ou vinagre de vinho tinto)
– 100 ml de azeite de oliva
– 1/3 xícara (chá) de óleo
– 300g de lingüiça calabresa fresca sem a pele e desmanchada
– 5 fatias finas de pancetta (ou bacon)
– 1/2 litro de caldo de carne
– batatas para forrar a assadeira

Tudo separado? Vamos ao preparo:

1. Com uma faca BEM afiada, abra o pernil de forma que fique com uma espessura que possibilite enrola-lo como um rocambole mais tarde. Ficou na dúvida de como fazer isso? Dá uma olhada nesse vídeo aqui.

2. Esfregue sal e a pimenta-do-reino por toda a carne.

3. Numa tigela misture as sementes de erva doce, os ramos de alecrim debulhados, as folhas de manjericão, as folhas de sálvia, a pimenta malagueta, o alho picado, o suco dos limões, o suco das laranjas, o aceto balsâmico (ou vinagre de vinho tinto), o azeite de oliva e o óleo. Espalhe esta mistura sobre a carne e deixe marinar por uma noite.

4. Após esse período, abra a carne e coloque a lingüiça calabresa fresca sem a pele e desmanchada, cubra as fatias de pancetta (ou bacon), enrole e amarre a carne com um barbante bem forte (dica de como fazer isso). Faça alguns furos por toda a porchetta, coloque sobre uma assadeira forrada com fatias grossas de batata. Regue com a marinada e com o caldo de carne (ou de caldo de frango ou de legumes).

5. Leve ao forno pré-aquecido a 130 graus e deixe cozinhar por 1 hora. Vire a carne e deixe mais meia hora, e cubra com papel alumínio. Deixe mais 1 hora e meia, regando de vez em quando com caldo que se formou a assadeira.

Uma observação para a próxima vez: não vou utilizar o Aceto Balsâmico, pois achei que o seu gosto ficou muito destacado, além de dar uma acidez ao prato. Talvez regar com vinho seja uma boa alternativa. No geral ficou saboroso, mas ainda pode melhorar.

That’s all folks! Sua Porchetta (ou Pernetta, no nosso caso) está pronta! Agora, é só fazer uma farofa de manteiga, ou uma saladinha, ou só um pão italiano mesmo e se esbaldar!

PS: de novo esqueci de postar a foto da receita pronta. Sabe como é… Natal, vinho, cerveja, boa conversa…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s